04/05/2013

ALVITO - SEM "PAPAS NA LÍNGUA" - ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS DE 2013

Achei do maior interesse trazer ao conhecimento geral um texto publicado pelo Candidato à Presidência da Câmara Municipal de Alvito : Dr. Manuel Maria Barroso
Todos podem consultar este e outros textos de interesse para o Concelho de Alvito nesta Página:


Sem “papas na língua”!

A minha candidatura à Presidência da Câmara Municipal de Alvito foi a primeira a ser anunciada oficialmente no concelho de Alvito, em todo o distrito de Beja, e, também, das primeiras a nível nacional. 

Sem qualquer tipo de dúvida ou calculismo, disponibilizei-me para a acção cívica directa, em prol do concelho que me viu nascer, crescer e ser adulto.

Ao assumir este projecto sei que o ambiente político, no contexto nacional, não é o mais favorável ao Governo da República Portuguesa e, por consequência aos partidos que lhe dão directo suporte parlamentar, de resto, os mesmos que estão na base partidária da minha candidatura, o PSD e o PP.

Nenhum desses factores me fez recuar!
Como é público, sou independente. Não fui nem sou militante partidário. Lidero este projecto com a plena consciência de que se trata de um direito de cidadania e com uma fortíssima vontade de contribuir, de forma directa, para a construção de um futuro melhor para a minha terra, neste caso, no plano das políticas autárquicas.

Esta minha decisão e a inequívoca vontade de vencer, não me afastará, porém, de regras cívicas democráticas, de transparência e objectividade, regendo-me por princípios democráticos, personalistas, humanistas e universalistas – valores que presidem à minha vida.

Não deixarei de reiterar estes princípios, sempre e quando julgar adequado, pese embora, crer que a generalidade das pessoas tem consciência do que aqui afirmo – incluindo os meus adversários. Ficaria honrado se essa metodologia pudesse fazer doutrina política entre todos os intervenientes, no contexto autárquico em que me situo, na campanha eleitoral e no mandato que lhe sucederá.

Sublinhando em permanência esses valores, importa falar de política e da sua operacionalização, isto é, na relação com a prática e com os comportamentos dos seus agentes.

Não me cairei na tentação de evoluir em fenómenos de distracção. Pelo contrário, procurarei falar das coisas pelo seu nome (e apelidos, se for essa a exigência da verdade!). Procurarei não sair do contexto que aqui me traz: O concelho de Alvito, as suas gentes e as suas coisas!

O meu combate é de natureza política e cívica; nunca se distrairá em aspectos de natureza pessoal, exceptuando aqueles com relação directa na acção política, administrativa ou cívica! Não me coibirei de tratar as coisas com o devido texto e fundamento! Essa é a discussão democrática!

Vamos então tratar de algumas dessas matérias, com dez questões básicas (são apenas dez, para que possam ser lidas e receber resposta!) que coloco ao actual Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra:

1 Onde tem andado, Senhor Presidente? Que o tem feito nos últimos quatro anos em favor do Município de Alvito?
2 Se o seu mandato foi “conseguido” e “bem desempenhado”, porque não se recandidatou à Presidência da Câmara Municipal de Alvito?
3 Dr. João Penetra, acha que as pessoas do concelho de Alvito evidenciaram que não se reconheceram na sua liderança, a ponto de não querem a sua recandidatura?
4 Já agora, qual foi o seu papel, na “repescagem” do Dr. António João Valério para candidato à Presidência da Câmara Municipal de Alvito pela CDU, após este ter sido inicialmente “contratado” pelo PS?
5 - Que tem a responder o Dr. João Penetra sobre o registo de imagem a que tive acesso revelando a utilização do automóvel da Câmara Municipal de Alvito numa acção de propaganda autárquica em Viana do Alentejo?
6 - Que responde o Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra, sobre o abandono do logotipo da nossa Câmara (o escudo municipal de sempre!), substituindo-o por um caríssimo exercício de “design” não oficial?
7 - Que responde o Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra, sobre o abandono e negligência de manutenção do edifício dos Paços do Concelho, das ruas da vila, das estradas municipais e do Buraco das Pedreiras?
8 - Que responde o Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra, sobre a construção do Parque Industrial e da situação em que se encontra o “apedadeiro” de caminho-de-ferro de Alvito, que foi entregue à guarda da Câmara?
9 - Que responde o Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra, sobre o tipo, montante e resultados do financiamento às colectividades do concelho?
10 - Que responde o Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra, sobre a execução do Plano para a Igualdade? Já terminou? Onde estão os resultados?


********************
Às questões colocadas e através do Blog ALVITRANDO ( donde tomo a liberdade de as retirar) responde o ainda  Presidente da Câmara  Dr. João Penetra hoje Candidato à Presidência da Câmara Municipal de Viana do Alentejo.
Por sua vez o Dr. Manuel Maria Barroso rebate essas respostas no diálogo que a seguir apresentamos com imagens de sua Autoria 



Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom NOBRE e PATRIÓTICO para quem refere o seguinte: 
"1 Tenho andado onde o Dr. Manuel Maria sonha andar nos próximos 4 anos, mas não vai andar. Temos feito bem mais do que o Dr. Manuel Maria e sua equipa alguma vez poderão fazer. Nunca serão eleitos." (sic).

Meu caro Dr. João Penetra: - Terei todo o gosto em lhe oferecer alguma bibliografia sobre o "Sonho" (e sobre a "defesa da Pátria") para ocupar o tempo na sua "reforma" política.

Saudo-o de forma democrática e pedagógica!







II - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de HUMOR, ARTE e SABER para quem refere o seguinte:
 

"2 Não me recandidatei desde que soube que o Dr Manuel
 Maria e Dr Natália são candidatos, a cdu manterá com facilidade esta Câmara."

Dr. João Penetra: "Olhe que não!" Lembra-se das consequências de uma frase como esta?

Veja o video e pense! Quem sabe lhe faça falta!








III - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de HUMOR, ARTE e SABEDORIA POPULAR para quem refere o seguinte: 

"3 Dr Manuel Maria , acho e tenho a certeza que as pessoas do concelho de Alvito querem a minha recandidatura, mas a minha terra chama-me e eu não sou dois. Eu sou um, escolhi contribuir com o meu trabalho no concelho de Viana. O concelho de Alvito ficará bem entregue com o Dr. António João, candidato aconselhado ao partido por mim mesmo."

Dr. João Penetra: - Que saudades! Vou ter de o convidar para vir "Animar a Praça!"







IV - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de HUMOR, ARTE e SABEDORIA POPULAR (já agora, como DESMASCARAR MENTIRAS!) para quem refere o seguinte: 

"4 - Goste que não goste, na politica como na bola, as pessoas têm que tomar decisões e fazem-no em função do projeto, o PS não tem projeto para o concelho, apesar da boa vontade do meu amigo Joaquim, essa é a verdade. O Dr. António João Valério escolheu o melhor projeto."

Dr. João Penetra: Essa forma de se fazer o pino não é ginástica desportiva... é mentira política! E... paga-se politicamente!





V-a - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica, a REVELAÇÃO DO "NEGÓCIO" e "FUGA" do Dr. António João Valério, o qual, após ter sido "contratado" pelo PS, foi "repescado" pela CDU, tal como se evidencia nas seguintes palavras do Dr. João Penetra: "(...) o PS não tem projeto para o concelho, apesar da boa vontade do meu amigo Joaquim, essa é a verdade. O Dr. António João Valério escolheu o melhor projeto."

Dr. João Penetra: - Em política, tal como no dia-a-dia, a demagogia, as traições e a fuga aos princípios éticos pagam-se muito caros.
Pode ter a certeza!
Esta MANOBRA sair-lhe-á cara... a si e ao seu "repescado"!





V - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica, em tom de LEGALIDADES, ÉTICA E RESPEITO PELO BEM DE TODOS, para quem refere o seguinte: 

"5 - Utilizo o automóvel porque a lei me permite. Sempre que sou chamado a participar civicamente em atos da vida publica, o que acontece diariamente, não posso andar de hora a hora a trocar de carro. Teria que ter um carro meu em todas as freguesias, o presidente da câmara não ganha o suficiente que permita isso."

Dr. João Penetra: Mesmo que o Código Penal possa ter alguma outra interpretação (que não parece ser este caso!), parece-me que é preciso ter lata para andar a usar o carro da Câmara Municipal em acções que NADA têm que ver com a actividade do Município de Alvito. 
É inadmissível o uso do bem público para acções privadas, como foi o caso. Confira-se o seguinte link: - http://naante-camara.blogspot.pt/2013/04/notas-de-abril.html (a minha fonte para o registo fotográfico!).
Não estava à espera de ser "apanhado"?
Já agora veja o que se passou com outros autarcas deste país, neste tipo de abusos...
Já agora... não tem mesmo "carro em todas as freguesias"? Que fazia esse mesmo veículo quando o encontrei às compras no hipermercado em Évora? Também estava a "participar civicamente em atos da vida publica"?

Assim não! Isto é demasiado grave, Dr. João Penetra!

Uma vergonha!






VI - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de ENSINAMENTO (sem cobrar honorários!) e RECORDATÓRIO (pois já tinha manifestado esta minha posição em vários momentos anteriores) para quem refere o seguinte:

"6 - amigo desconhecerá com certeza que aprovámos nos órgãos próprios, Câmara e Assembleia, um plano de marketing territorial, que prevê a utillização desses logos. Na democracia esses assuntos tratam-se nos órgão próprios ouvindo as pessoas e votando a favor ou contra. Desconhece, não é?"

Dr. João Penetra: - Sou obrigado a dizer que não lhe reconheço nenhuma autoridade para me explicar como são os procedimentos administrativos e a utilização dos recursos públicos. Recordo-lhe, por exemplo, a utilização inapropriada que tem feito do veículo da autarquia em uso particular e sem qualquer vantagem para o Município. Certo? 

Dr. João Penetra: Gostaria de saber, no entanto, em que termos foi aprovada a utilização desse "design", caro e inadequado, nas folhas timbradas do Município?

Dr. João Penetra: Recomendo-lhe que consulte o "site" da Associação Nacional de Municípios ou outros "sites" onde figuram os logotipos oficiais dos Municípios! Verá que Alvito está representado pelo seu legítimo e adequado logotipo.

Todavia, sugiro-lhe que não consulte ou peça opinião ao seu "camarada" (?) Dr. António João Valério, senão ainda lhe dá o tratamento de despromoção que tem tido com o logotipo da Junta de Freguesia de Alvito. Ao menos, assim, não aumentará a dimensão da asneira!




VII - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de ENSINAMENTO (sem cobrar honorários!) e RECORDATÓRIO (pois já tinha manifestado esta minha posição em vários... momentos anteriores) e de PROTESTO VEEMENTE, para quem refere o seguinte:

“Questão 7 do Dr. Manuel Maria - Respondo que não abandonámos nada, que o inverno super rigoroso impediu algumas intervenções previstas, nomeadamente pinturas e pequenas reparações. As pinturas iremos retomar em articulação coma junta de freguesia, num projecto alvito limpo, limpinho.
As estradas municipais serão reparadas antes do Dr. Manuel perder as eleições.
O buraco como lhe chama, como todos os buracos do concelho, deviam ser devidamente tapados, a gruta das pedreiras não deveria fugir à regra. Se nunca ligámos às galerias das minas de ferro, na minha opinião mas fazendo valer a opinião do povo não repararíamos, taparíamos.”

Dr. João Penetra: - Consegue fazer com alguém acredita no que escreveu? Não abandonaram? Não mesmo? Dê uma vista de olhos sobre os dois primeiros versos do lindíssimo poema “Cantata da Paz” de Sofia de Mello Breyner Andresen… está la a resposta a estas dúvidas e ao seu argumento! Recordo-lhe essas palavras sábias: “Vemos, ouvimos e lemos, não podemos ignorar”!

Dr. João Penetra: - Estava mesmo a pensar fazer “algumas intervenções previstas”, no “inverno”? Quem é que planeou essas intervenções? Foi o senhor? A isso chama-se incapacidade total de planeamento!

Dr. João Penetra:- Acha que se deve “pintar” (imagino que se quisesse referir a caiar!) alguma coisa no “inverno”? Já agora, as situações sobre o que o interpelei só foram evidenciadas por si no inverno?

Dr. João Penetra:- Considera mesmo que a reparação do colapso do “Buraco das Pedreiras” é uma “pequena reparação”? Quem é que lhe disse isso? Quem o assessorou para tal disparate? Sabe há quanto tempo está colapsado o “Buraco das Pedreiras”? Que fez para reparar a situação atempadamente? Que passo deu junto de outras entidades para solucionar este problema?

Dr. João Penetra:- Como já reparou, continuo a usar a expressão “Buraco das Pedreiras”. Garanto-lhe que não é casmurrice minha! Sempre assim foi conhecido por mim e pela generalidade dos alvitenses. Não se preocupe em demasia, porque continuarei a “cometer este sacrilégio”!

Dr. João Penetra:- Quanto à sua vontade de “As pinturas iremos retomar em articulação com a junta de freguesia, num projecto alvito limpo, limpinho”, confesso que fico preocupado! Explico porquê!

Porque não articulou e actuou antes do período pré-eleitoral?

Mesmo antes do Dr. António João Valério ter sido “contratado” pelo PS?

Porque não procedeu a essa acção pictórica no ano passado, em pleno verão (de 2012 ou mesmo de 2011)?

Sei que mais vale tarde que nunca, mas, não lhe parece um acto propagandístico exagerado?

Será que a própria Câmara não tem recursos humanos para executar essa obra? Porquê a Junta de Freguesia de Alvito, tem recursos próprios?

Dr. João Penetra: - Diz que “As estradas municipais serão reparadas antes do Dr. Manuel perder as eleições” – Consegue dizer isso sob juramento? Quais estradas? Todas as estradas municipais que estão degradadas?

Não me explicou como? Com os recursos logísticos e financeiros da Câmara? Também com o apoio da Junta de Freguesia de Alvito?
Recorrendo a serviços externos contratados? Em que prazos? Que tipo de contratação de serviços? Pode apresentar o projecto orçamental definido até ao momento, para este efeito? Com que orçamento?

Deixe-se de falácias, Dr. João Penetra! Isso é conversa da treta para enganar as pessoas!
Essa expressão de distracção que introduz numa matéria séria, só lhe dá pouco crédito. Sabe porquê? Porque apenas quer ocultar o essencial – a obra em si! E, essa, não será garantidamente feita por si… porque vai fugir! Pelo contrário, terá de ser a minha equipa a ter de descobrir o financiamento e a estratégia para executar essa reparação, pois, como se sabe, a degradação progressiva das nossas estradas municipais (e das outras todas) deve-se a uma atitude passiva e negligente da sua gestão, para cuja solução já não contribuirá em nada o Dr. João Penetra.

Dr. João Penetra: - Já se esqueceu daquele “fenómeno” de má gestão em que foi protagonista aquando das obras de restauro e manutenção da “Ponte de Pedra” (espero que saiba onde fica… como desconhece os nomes reais dos lugares do Município, terei de lhe dar as melhores coordenadas…não é preciso agradecer, já sei!): a ponte sobre a Ribeira de Odivelas, na estrada nacional que liga Alvito a Vila Ruiva. Foi incrível a sua participação nesse processo. Uma pessoa para circular por estrada entre o Monte Novo (Herdade do Benta da Serra) e Alvito tinha de fazer um percurso incrivelmente mais longo (muito quilómetros!). LAMENTÁVEL!

Dr. João Penetra:- Deixou para o fim uma matéria muito importante: Refere que “O buraco como lhe chama, como todos os buracos do concelho, deviam ser devidamente tapados, a gruta das pedreiras não deveria fugir à regra. Se nunca ligámos às galerias das minas de ferro, na minha opinião mas fazendo valer a opinião do povo não repararíamos, taparíamos.”

Esta sua intervenção deixa-me atónito e sem vontade de acreditar no que estou a ler!

O Dr. João Penetra tem consciência das asneiras que aqui escreveu? Quer fazer alguma emenda antes que seja tomado a sério?

Dr. João Penetra:- Quer mesmo tapar o “Buraco das pedreiras “? [O buraco como lhe chama, como todos os buracos do concelho, deviam ser devidamente tapados, a gruta das pedreiras não deveria fugir à regra] (expressão sua!)

Dr. João Penetra: - Insiste em “tapar” os “Buracos das Pedreiras”! Está bem de saúde mental? Se sim, recomendo-lhe os cuidados adequados. Trate-se! Se acha que está bem, retire-se de imediato e peça desculpa a todas as pessoas e a todo universo da Cultura Portuguesa.

É lamentável ler estas barbaridades!

Espero e desejo que o Dr. João Penetra não proponha a implosão da Igreja de Nossa Senhora de Aires! Com este ímpeto reaccionário e retrogrado… tudo poderá acontecer! Importa alertar os eleitores do concelho de Viana do Alentejo. Trata-se aqui de um caso de leviandade ou de uma patologia muito séria.



VIII - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica mais um ESCLARECIMENTO e RECORDATÓRIO, para quem refere o seguinte: 

Questão 8 - Dr. MM, o “apedadeiro” de caminho-de-ferro de Alvito, deve ser gerido, tratado ou eliminado pela refer, na câmara não temos competência para intervir nas instalações refer. Mostra muito desconhecimento, informe-se junto do secretário de estado dos transportes. Aliás, temos as instalações refer de Vila Nova, que a grande maioria dos Alvitenses prefere utilizar.

Dr. João Penetra: - Que é feito do Presidente da Câmara Municipal de Alvito? Não me diga que tem sido o senhor?

Dr. João Penetra: - Conhece, ao menos, o protocolo que essa Câmara assinou com a REFER, a propósito da “guarda” do edifício da estação/apeadeiro de caminho-de-ferro de Alvito? E o abrigo dos passageiros? Já reparou no estado de conservação do edifício?

Recomendo-lhe que um dia passe por lá e veja! Sabe onde é?

Dr. João Penetra: - Essa de me informar “junto do secretário de estado dos transportes” é para ser lida a sério? Está a brincar comigo? Eu acho que serei mais velho que o senhor… e não nunca gostei de brincar com coisas sérias!

O Dr. João Penetra, mesmo recorrendo a essa desgastada estratégia de “chutar para a bancada” sabe perfeitamente quais são as responsabilidades dos diferentes parceiros institucionais no que diz respeito a esta matéria. E, nenhum deles, lhe permite, a si enquanto ainda for Presidente da Câmara Municipal de Alvito, furtar-se às suas responsabilidades. Mas, na verdade, tem mesmo fugido! O que continuará a fazer no futuro imediato! (tem treinado bem!) Veja só:- As pessoas que ali embarcam ou desembarcam não merecem algum tipo de atenção, em termos de conforto e segurança, por parte da edilidade alvitense?

Dr. João Penetra: - Quer informar-me sobre as vezes e as formas como tem procedido para reclamar ou promover esse tipo de conforto e segurança aos passageiros estação/apeadeiro de caminho-de-ferro de Alvito?

Dr. João Penetra: - Tem noção da trapalhada de argumento que consegue ter na sua frase “Aliás, temos as instalações refer de Vila Nova, que a grande maioria dos Alvitenses prefere utilizar”?

Tem excesso de incompetência e enorme desconhecimento da realidade, Dr. João Penetra!

Deveria, ao menos, ter a preocupação em conhecer o local, conhecer o contexto em que as pessoas ali têm de estar!

A si não lhe vou garantir nada… não lhe faz falta! Nunca lhe fez falta! Mas, às pessoas que precisam e lhe faz falta esse tipo de comodidade, podem ter a certeza que na minha gestão haverá um mínimo de cuidado e conforto sobre este assunto. E… se for preciso, irei falar, com muita honra, educação e responsabilidade, com “SE o Senhor Secretário de Estado” ou com quem for preciso ou necessário.

Dr. João Penetra: - Pode ficar descansado, que a estação de Vila Nova da Baronia, também terá uma elevada importância estratégica na minha gestão, aliás, cujo plano de desenvolvimento já divulguei. Se um dia a quiser utilizar, já na sua futura qualidade de vereador da oposição em Viana do Alentejo, pode confiar que já terá muito mais conforto e segurança do que actualmente.



IX - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica em tom de ESCLARECIMENTO, RECORDATÓRIO e DÚVIDAS, para quem refere o seguinte: 

Questão 9 - Dr. MM, no que respeita ao tipo e montante de financiamento às colectividades do concelho, deverá vossa excelência, consultar o regulamento que rege a Câmara (aprovado pela Assembleia Municipal) e poderá aí aprender o tipo, a natureza, as obrigações, os direitos. Depois se entender enquanto autarca ou dirigente em qualquer associação, poderá propor nos órgãos e conselhos municipais próprios, propor alterações, revogações, adendas. Percebeu Dr. MM?

Dr. João Penetra:- Agradeço-lhe a eloquente referência. Não precisa, sou uma pessoa de costumes muito modestos! Sobre o “aprender”, aí sim, já lhe terei de dizer que não “aprendo” informação, embora reconheça que a informação favorece as “aprendizagens”! E, a informação que refere, bem como os procedimentos e o funcionamento das estruturas que refere, já conheço como detalhe suficiente. Em todo o caso, obrigado!

Quero dizer-lhe, todavia, que a interpelação que lhe fiz sobre esta matéria faz todo o sentido, como verá.

Como provavelmente alguém já o informou (não lhe “ensinando” nada, bem entendido!), tenho a Honra de ser um dos poucos alvitenses a quem o Município de Alvito atribuiu um Diploma de Mérito Concelhio e a respectiva Medalha. Foi no ano de 1982, ano que tive a fortuna de ser pai!

Neste âmbito, tenho a Honra de ter estado na linha da frente das pessoas que colaboraram e defenderam os valores do concelho de Alvito, quer ao nível local, quer no exterior. Tenho um enorme orgulho em ter sido o autor do logotipo do Grupo Cultural e Desportivo de Alvito, ter sido o autor da escultura da Fénix que se encontra na fachada do Quartel dos Bombeiros Voluntários de Alvito, de ser o autor do projecto/desenho do coreto que se encontra na Praça da República, em Alvito, de ser um dos responsáveis pelo processo de restauro e classificação do pelourinho de Alvito ou de ter sido um dos restauradores e músicos (trompetista) da Filarmónica dos Bombeiros Voluntários de Alvito. De igual forma, em muitas ocasiões, participei em exposições de pintura ou em acções de diversa índole cultural, em representação de Alvito. Complementarmente, não poderei esquecer a saudosa memória do meu pai, um dos fundadores da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alvito.

São estes alguns dos atributos que me permitem questionar e saber o que se passa na minha terra, aquela em que irei ter brevemente especiais responsabilidades. E, é por isso, também, como cidadão preocupado, que quero conhecer o que se passa.

Dr. João Penetra: - Dispõe de dados objectivos, sobre os encargos para o orçamento da Câmara Municipal de Alvito – directos e indirectos – com a actividade cultural, desportiva, recreativa e social do concelho? Porque não os publica?

Dr. João Penetra: - Qual é o montante financeiro – directo e indirecto, segundo as diferentes organizações do concelho? Quantas pessoas são abrangidas? Onde estão essas estatísticas?

Dr. João Penetra: - Quais os critérios objectivos que presidem à repartição das subvenções da Câmara Municipal de Alvito às organizações do concelho? Onde se podem consultar? Estão publicadas?
Dr. João Penetra: - Dispõe de algum acervo objectivo onde se possam consultar os Planos de Actividade e os respectivos Relatórios de Actividades das entidades a quem a Câmara Municipal de Alvito atribui algum tipo ou forma de apoio?

Dr. João Penetra: Embora faça parte de outro âmbito, onde estão publicados os critérios e o procedimento relacionados com a nomeação do responsável municipal pela protecção civil?

Dr. João Penetra: - A quantos projectos de financiamento concorreu ao longo do seu mandato? Qual foi o montante obtido? E no ano de 2013?

Dr. João Penetra: - Qual é o montante da participação da Câmara Municipal de Alvito em organizações da região? Quais as organizações beneficiárias?





VIII - Tributo pedagógico ao acto de fuga do Dr. João Penetra, futuro ex-Presidente da Câmara Municipal de Alvito.

Aqui fica ALGUMA REVOLTA FACE ÀS TEIMOSIAS E ÀS FALTAS DE HUMILDADE, para quem refere o seguinte: 

Questão 10 - Para o plano para a igualdade temos um técnico resposável por essa área, que o poderá elucidar sobre a acção da Câmara nessas matérias, estamos muito à frente da generalidade do país. Se entender dirigija-se aos locais próprios e teremos todo o gosto em ensinar, demonstrar.

Dr. João Penetra: - Sabe que eu sei o que lhe perguntei! Não preciso de me dirigir à Câmara Municipal de Alvito. Os dados são públicos, sabia?

Dr. João Penetra: Acha que preciso mesmo que alguém me elucide sobre isso? Embora a informação seja pública, EU SEI MAIS QUE A PESSOA QUE LHE PARECE QUE POSSA ELUCIDAR-ME SOBRE ESSA MATÈRIA!

Seja HUMILDE!

Dr. João Penetra: - NÃO DIGA DISPARATES e faça o que lhe compete! Cumpra com as exigências públicas!

Dr. João Penetra: - Diz que “estamos muito à frente da generalidade do país”… Pode demonstrar o que diz? Se não fosse ESPECIALMENTE GRAVE poderia rir-me! NÃO DIGA DISPARATES!

Dr. João Penetra: - Sabe que estamos em Maio de 2013? O que já fez sobre essa matéria?

Dr. João Penetra:- Qual é a taxa de execução desse projecto (que termina no final deste mês de Maio de 2013)?

DIGA! DIGA para que se saiba!

Depois, peça-me desculpa, ok? UMA VERGONHA…





2 comentários:

Manuel Maria Feio Barroso disse...

Caro amigo Luís Milhano:
Agradeço-lhe a divulgação das mensagens em que eu estou envolvido, relacionadas com a interpelação pública que fiz ao actual Presidente da Câmara Municipal de Alvito, Dr. João Penetra.
Cumprimento-o pelo sentido democrático com que tem tomado a minha candidatura.
Pode contar com o meu respeito e amizade.
Como sabe, a exposição de ideias em alguns contextos é profanada por matéria lixiviante, a qual, apenas atrofia e deturpa a essência, isto é, eu vim para este projecto para discutir ideias e projectos e não entrar em matérias relacionadas com carácter individual. E, como sabemos, nem sempre as coisas evoluem nessa metodologia e princípios.
Estou aqui para defender e melhorar as minhas ideias e a das pessoas que estão comigo.
Fui, sou e serei um Homem de Abril, do espírito democrático, personalista, humanista e universalista. Defenderei estes princípios com todo o meu saber e competências.
Não me coibirei de denunciar as cretinices (muitas vezes envolvidas em embrulhos de cariz democrático) e demonstrar (e demonstrar) as hipocrisias e falsos democratas. Aqui estou para “dar o peito às balas”.
Ao fim destes anos de democracia…ainda temos que afinar muitas coisas. Não permitirei que os projectos em que estou envolvido sejam púlpitos de ofensas à democracia.
Estou na candidatura à Presidência da Câmara Municipal de Alvito, a nossa querida terra de sempre, porque acho que estou na plenitude das minhas forças e saberes, para poder ajudar a construir um futuro melhor para todas as pessoas, onde me incluo (e a si também!).
Não hesitarei em denunciar falas ideias de roupagem “democrática”… e já comecei a assistir a algumas.
Os “troca-tintas” emergem… Mas, aqui estou! Contem com a minha total oposição!
Um abraço!
Manuel Maria Barroso

Manuel Maria Feio Barroso disse...

Para quem tiver interesse,deixo aqui o link da minha página pessoal de candidatura,no Facebook:

https://www.facebook.com/#!/pages/Candidatura-%C3%A0-Presid%C3%AAncia-da-C%C3%A2mara-Municipal-de-Alvito-Manuel-M%C2%AA-Barroso/405803336155661

Obrigado, Luís!

Seguidores

Arquivo do blogue